27 de maio de 2008

Slide Away


Cair é uma coisa desagradável. A pessoa normalmente se machuca, fica suja e com uma baita vergonha. O pior é que, além da pessoa estar toda sem graça porque sempre tem algum sádico pra rir dela, sempre chega um e pergunta: machucou? Nessas horas dá vontade de responder: Não, sua mula! Não machuquei não. Minha mão está toda ralada e sangrando, mas não estou sentindo dor nenhuma, porra!

Quando eu era criança, tinha o costume saudável de cair de vez em quando. Uma vez, atravessando a rua em frente à casa da minha avó, escorreguei e caí no meio da pista. Levantei, comecei a correr pra terminar de atravessar a rua e vaí de novo. Praticamente um "2 hit tombo".

O tempo passou e perdi o costume de satisfazer o apetite sádico das pessoas que, como eu, riem quando vêem as outras se estatelando no chão das maneiras mais ridículas possíveis. Pelo menos até o final do ano passado era assim.

Chovia no dia e lá estava eu voltando para casa, quando resolvi passar na padaria para comprar um pãozinho e coisa e tal. Saindo da padaria, desci a rua em que moro com o guarda-chuva na mão direita, e as sacolas da padaria e uma apostila pesada na mão esquerda.

Caminhava devagar, sem pressa e tal, quando pisei em uma dessas tampas de metal que ficam no meio do passeio. O atrito era zero e a escorregada foi bonita, daquelas de filme. A queda durou poucos segundos e só pode ser descrita mais ou menos assim: pisei na merda da tampa, escorreguei e caí praticamente deitado no chão, segurando o guarda-chuva, as sacolas e a bosta da apostila.

O guarda-chuva não entortou mais do que já estava e tanto as sacolas quanto a apostila ficaram intactas, sem ao menos molhar. Eu, em compensação, estava todo imundo (tá achando que deitar no chão em um dia de chuva vai te deixar limpo?), com a bunda doendo e o braço um pouco ralado.

Levantei então, com o máximo de dignidade que podia, e terminei o caminho até minha casa. Chegando lá, resumi o ocorrido à Fernanda que, após parar de rir, não teve outra coisa a dizer senão: "Machucou?"

2 comentários:

Guilherme Rocha disse...

Gu... machucou!? hahahahahahaha

Fábio disse...

Veja pelo lado bom, pelo menos comeu pão sequinho. hahaha