21 de julho de 2008

Uma Escola de Arte Muito Louca


Esse filme é de 2006 e é baseado numa história em quadrinhos do desenhista Daniel Clowes. A inspiração para a história veio dos tempos em que ele estava na faculdade de artes.

Logo no início do filme vemos os calouros chegando em mais um ano de curso e os estereótipos logo aparecem. Vemos uma hippie que desce de um carro, um músico que deixa cair sua caixa de violão e ao abrir, revela que tem de tudo menos um violão dentro. Tem também uma menina cheia de tatuagens que se depede dos pais e sai segurando um urso de pelúcia. Enfim, são muitos os estereótipos colocados na tentativa de satirizar o mundo da arte.

Vendo o trailer gera-se uma expectativa de que o filme seja inteligente e tal, quando na verdade é uma tentativa de fazer um "Loucademia de Polícia" versão escola de arte.

A trama principal retrata a história de Jerome Platz, jovem que acredita que a escola de arte o tornará famoso. Ele se apaixona por uma mulher que nunca vai conquistar, seus trabalhos não são apreciados pelos professores e ele acaba se perdendo.

Há também uma trama secundária de mistério envolvendo assassinatos na região da escola, que não se desenvolve direito. O assassino se entrega repentinamente e morre por acaso, de forma acidental.

Ou seja, é um filme bobo, cheio de clichês que poderia ter sido melhor trabalhado, já que conta com uma série de bons atores, como Jonh Malkovich e Angelica Houston.

Nenhum comentário: