4 de fevereiro de 2009

Pais e filhos

- E aí, meninão?
- Pare de me chamar de meninão, pai! Eu já estou com 28 anos!
- Eu sei, mas para mim você será sempre o meu meninão.
- É meio esquisito um homem da sua idade falar isso, pai.
- Por quê? O que há de errado em demonstrar carinho pelo filho?
- Eu acho... meio nojento isso.
- O que é isso, meu filho? Eu sou seu pai.
- Olha, pai, não me leve à mal, mas eu tenho que ir para a casa da minha mãe. Eles estão me esperando para a ceia de Natal.
- Eu sei, filho. Antes de ir, tenho que te dar o seu presente. Tomara que você goste.
- Posso abrir depois?
- Claro.
- Já estava quase esquecendo... Toma, é uma lembrancinha que comprei pra você.
- Não precisava, meu filho! O que é isso?
- Um MP3 player.
- Um o quê?
- É um aparelho que toca MP3, tipo um iPod, como aquele da neta do Benedito. Ela fica ouvindo música o dia inteiro, lembra?
- Ah, sim, lembrei. Que chique, hein? Deve ter custado uma fortuna...
- Não é bem um iPod, pai, e não custou tanto assim.
- Pra você que ganha bem, meu filho, pode não ter custado muito, mas eu aposto que esse iPod da Sony custou caro.
- Mas não é um iPod, pai.
- Não?
- Não.
- Mas você falou que ele toca MP3.
- Toca, mas não é iPod.
- E como eu faço para ouvir músicas nele?
- Você tem que copiá-las para ele.
- Como eu faço isso?
- Você tem que conectar o aparelho ao computador, e copiar as músicas para ele.
- O computador toca música?
- Toca.
- No meu tempo era só aquela telinha preta, com letras verdes.
- Eu sei. Bom, você copia as músicas pra ele, liga aqui e dá play, apertando esse botão.
- Deixa eu ver... Não estou ouvindo nada!
- É porque você colocou em modo de gravação, 'tá vendo?
- Eu não consigo enxergar nada nessa telinha!
- Deixa eu colocar no rádio, para você escutar...
- Não gostei dessa estação. Como faço pra mudar?
- Aperta esse botão aí.
- Qual? Não sei mexer nesse negócio, não consigo enxergar nada!
- Tudo bem, pai. Depois eu compro outro presente pra você. Eu tenho que ir...
- Vai com Deus, meu filho, e dá um abraço na sua mãe por mim.
- Pode deixar.

Alguns dias depois...

- Uai, pai, aprendeu a mexer no MP3 player?
- Não.
- Você está ouvindo o que, então?
- Nada.
- Então tá...

Um comentário:

Daniel disse...

"Estafa" e "Bunitão do Papai" foram os melhores.
Até que enfim atualizou