13 de outubro de 2013

Descobrindo Sintra - Castelo dos Mouros

Casal Geek Eurotour 2013 - Descobrindo Sintra - Castelo dos Mouros

Diferente de Paris, onde demos a sorte de pegar apenas um dia de chuva, em Portugal o tempo estava mais instável. Entretanto, foi em um dia de céu azul e limpo que partimos da bela estação Rossio, em Lisboa, rumo a Sintra.

A viagem de trem foi relativamente curta, mas ao chegar à estação final da Linha de Sintra tivemos uma surpresa quando, da plataforma da plataforma de embarque e desembarque, avistamos o Castelo dos Mouros no alto da serra, com um céu bastante carregado ao fundo.

Castelo dos Mouros, Sintra

Saindo da estação de trem, que possui um excelente posto de informações turísticas, pegamos o ônibus da linha (carreira) circular 434, que passa por alguns pontos turísticos de Sintra como o Castelo dos Mouros, o Palácio da Pena e o centro histórico da cidade.

Nossa primeira parada seria no centro histórico, de onde iríamos à pé até a Quinta da Regaleira, mas acabamos nos distraindo e assim nos vimos serpenteando pelas sinuosas e íngremes ruas da Serra de Sintra rumo ao Castelo dos Mouros.

Castelo dos Mouros, Sintra

O Castelo dos Mouros foi erguido por volta dos séculos IX e X, época de ocupação islâmica em Portugal, e sua posição privilegiada garantia a proteção de Lisboa e das vilas ao redor. A fortificação possui uma planta irregular, adaptada ao terreno acidentado da Serra de Sintra, mas muito do que se vê hoje é fruto de uma grande restauração iniciada em 1839 a mando de D. Fernando II, uma vez que a construção, desabitada desde 1496, encontrava-se bastante degradada pela ação do tempo e em função do Terremoto de 1755.

A entrada é paga, e o Lisboa Card dá um desconto de 2€ no valor do ingresso. Entretanto, como fomos informados na bilheteria, é mais vantajoso comprar as entradas do castelo e do Palácio da Pena juntas, pois o combinado possui um desconto maior que o Lisboa Card oferece para cada bilhete individualmente.

Castelo dos Mouros, Sintra

As características históricas e arqueológicas - há vestígios de ocupação da área desde os séculos X a VIII a.C. - são os atrativos que, a princípio, mais convidam a uma visita ao Castelo dos Mouros, mas o ponto forte de um passeio por suas muralhas medievais é a vista panorâmica que se tem da região, na qual se destacam pontos interessantes como o Palácio da Pena ou o oceano à distância.

Naquele longínquo sábado de fevereiro demos sorte de não pegar chuva, apesar do céu bastante carregado, mas os ventos fortes que cortavam o Monte da Lua atrapalharam um pouco nossa volta pelas muralhas do castelo, pois a sensação de insegurança perto das ameias era inevitável. Aliada a isso, nossa vontade de conhecer outros pontos de Sintra e o fato de algumas áreas da fortificação estarem restritas ao público para obras de restauração fez com que nossa visita ao Castelo dos Mouros tenha sido breve.

De qualquer forma, foi um dos momentos mais marcantes da nossa viagem e certamente será um destino a se repetir em uma passagem futura por Portugal.

- Ouvindo: Bloc Party - I Still Remember

Nenhum comentário: