30 de novembro de 2013

Descobrindo Sintra - Quinta da Regaleira

Casal Geek Eurotour 2013 - Descobrindo Sintra - Quinta da Regaleira

Nos dias anteriores à nossa visita a Sintra havia chovido muito na região, mas o céu que encontramos fechado no início daquele dia dava sinais de que iria melhorar. Talvez seja pela proximidade do oceano, mas o fato é que assim que saímos da Piriquita o tempo dava novamente indícios de uma chuva eminente.

Com isso, ficamos naquela: voltaríamos para Lisboa ou correríamos o risco de tomar chuva? Como já estávamos lá, e a possibilidade de chuva nos dias seguintes também não estava anulada, resolvemos encarar uma rápida caminhada ao lugar que, pelo menos para mim, foi o principal motivo de visitarmos Sintra: a Quinta da Regaleira.

Quinta da Regaleira - Palácio da Regaleira

Construída entre 1904 e 1910, a Quinta da Regaleira foi concebida como a residência de veraneio de António Augusto Carvalho Monteiro, herdeiro de uma grande fortuna que ele ampliou com o comércio de café, dando-lhe a alcunha de Monteiro dos Milhões.

Com aproximadamente 4 hectares, a Quinta da Regaleira abriga as construções projetadas pelo arquiteto e cenógrafo italiano Luigi Manini, nas quais predominam os estilos manuelino e gótico. O parque possui uma vegetação bem abundante, e o terreno é cortado por grutas e passagens subterrâneas que, aliadas aos símbolos supostamente ligados à alquimia, maçonaria e até mesmo aos Cavaleiros Templários, conferem uma aura de mistério ao lugar.

Quinta da Regaleira - Alea dos Deuses

Pela sua extensão, um passeio pela Quinta da Regaleira requer tempo, pois são muitos lugares para explorar e infinitos detalhes para prestar atenção. O acesso é pago, e o Lisboa Card garante um desconto de 20% no valor do bilhete. Um porém: tivemos que pagar em dinheiro.

Hoje propriedade do município de Sintra, a Quinta da Regaleira é um dos lugares mais bonitos que visitamos até hoje. É uma pena que a chuva dos dias anteriores tenha alagado alguns pontos do parque, forçando sua interdição, mas o fato é que certamente, em uma futura visita a Portugal, voltaremos a esse cenário fantástico para novas explorações.

- Ouvindo: Heartless Bastards - Only For You

Nenhum comentário: