21 de outubro de 2016

Mão na Massa - Brownie com Biomassa de Banana

Mão na Massa - Brownie com Biomassa de Banana

Pode não parecer, ainda mais pela quantidade de hambúrgueres que já provamos, mas já faz um tempo que mudamos para um estilo de vida mais saudável, o que, no meu caso, se limita a incluir salada na alimentação e reduzir - pero no mucho - o consumo de carboidratos e açúcar.

A Fernanda, que conhece meu calcanhar de Aquiles como ninguém, buscou algumas alternativas às guloseimas que sempre fizeram a minha alegria, e o primeiro teste foi um brigadeiro com biomassa de banana. Para a minha surpresa, ficou com gosto de... bananada... com cacau. Ou seja: nada que pudesse ser chamado de brigadeiro.

Meu preconceito com a biomassa de banana durou um bocado, até provar um brownie bem bom que a usava entre os ingredientes. Resultado: temos que fazer um desses em casa!

A biomassa de banana

Como meu negócio é forno e eu perco pontos de sanidade só de pensar em usar uma panela de pressão, quem explica como produzir a tal biomassa de banana é a Fernanda:
  1. Encha a panela de pressão com água até a metade, e deixe esquentando com a tampa aberta até a água começar a ferver
  2. Coloque de 8 a 10 bananas bem verdes e com casca na água
  3. Tampe e deixe ferver por uns 10 minutos, e espere o vapor sair sozinho
  4. Retire as bananas, que estarão quase derretendo, remova a casca e amasse
  5. Separe em porções e leve ao congelador

O brownie

Receitas de brownie com biomassa de banana são fáceis de encontrar por aí, mas a que a Fernanda fez agradou bastante a este viciado em chocolate.

Ingredientes:
  • 80g de cacau em pó
  • 200g de biomassa de banana
  • 85g de açúcar mascavo, para não ficar muito doce
  • 60ml de óleo de coco
  • 4 ovos
  • 100g de amêndoas picadas

Preparo:
  1. Em uma vasilha, misture todos os ingredientes (com exceção das amêndoas) até obter uma massa homogênea
  2. Acrescente as amêndoas e despeje em uma forma de silicone
  3. Leve ao forno aquecido a 230º por aproximadamente 20 minutos, evitando que ele fique firme como um bolo ou mole demais como um petit gâteau. O ideal é ficar com o centro cremoso, mas assado por fora

- Ouvindo: French Films - Special Shades

Nenhum comentário: